Notícias

AGÊNCIA ALAGOAS

Governo do Estado de Alagoas
Quinta, 04 Fevereiro 2016 17:24
PÉ NA ESTRADA

Procon/AL faz alerta aos foliões sobre os direitos na hora de viajar

Com a chegada do Carnaval, órgão dá dicas para evitar abusos e imprevistos em aeroportos e/ou rodoviárias

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
Superintendente do Procon Alagoas, Flávia Cavalcante, destacou a importância de guardar todos os comprovantes. Superintendente do Procon Alagoas, Flávia Cavalcante, destacou a importância de guardar todos os comprovantes. Divulgação
Texto de Amanda Oliveira

Uma das festas mais tradicionais no Brasil, o Carnaval, está chegando. Com o feriado prolongado, é comum desejar uma viagem para passar alguns dias longe da rotina. Quem for viajar, seja de avião ou de ônibus, deve estar preparado para os possíveis imprevistos e atentos aos seus direitos.  Para evitar abusos, o Procon/AL traz algumas dicas para os foliões.

 

Algumas precauções podem ser tomadas antes mesmo do embarque: utilize etiquetas de fácil identificação na sua bagagem, com endereço e telefone, essa dica é importante principalmente em caso de extravio de bagagem.

 

Vale lembrar que se o viajante declarar à companhia aérea o valor da bagagem antes de embarcar, caso haja o extravio, o passageiro terá direito há indenização no valor declarado e aceito pela empresa. Os viajantes que tiverem seus direitos violados também podem pedir indenização à empresa responsável.

 

Se for viajar de ônibus, e o veículo quebrar no meio do trajeto, a empresa tem que, por obrigação, disponibilizar um modelo igual ou superior ao contratado, e, caso não seja, o consumidor deve ser ressarcido pela diferença de valor entre a passagem comprada e o ônibus utilizado.

 

Além disso, mesmo com o grande fluxo de passageiros tanto em aeroportos como em rodoviárias, as empresas tem que cumprir suas obrigações de horário, caso ocorra atraso ou cancelamento. Em rodoviárias, se o atraso for superior à uma hora, o consumidor pode solicitar outra passagem para o mesmo destino ou pedir de volta o valor pago.

 

A superintendente do Procon Alagoas, Flávia Cavalcante, destacou a importância de guardar todos os comprovantes.

 

“Se o consumidor precisar realizar uma denúncia, é importante que ele tenha em mãos todos os documentos e recibos que comprovem o vínculo com o fornecedor, além de anotar os protocolos de atendimento caso exista. Isso facilita a abertura de reclamação e o pedido de indenização, evitando maiores preocupações”.