Notícias

AGÊNCIA ALAGOAS

Governo do Estado de Alagoas
Sexta, 16 Outubro 2020 15:52
SEFAZ

Novos auditores tomam posse em solenidade no Palácio República dos Palmares

Para o governador, a realização do certame foi um passo importante e significativo no sentido de conectar o Estado de Alagoas à modernidade

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
Nesta sexta (16), o governador Renan Filho deu posse aos 85 aprovados no concurso público da Sefaz/AL Nesta sexta (16), o governador Renan Filho deu posse aos 85 aprovados no concurso público da Sefaz/AL Thiago Sampaio
Texto de Severino Carvalho e Tatyane Barbosa

O governador Renan Filho e o secretário de Estado da Fazenda de Alagoas, George Santoro, deram posse, na manhã desta sexta-feira (16), aos 85 aprovados no concurso público da Sefaz/AL. A solenidade foi realizada no Salão Aqualtune do Palácio República dos Palmares e transmitida pelas redes sociais do Governo de Alagoas.

A posse dos novos servidores coroou a realização de um concurso público histórico para Alagoas; há 18 anos o Estado não promovia um certame para os cargos de Auditor de Finanças e Controle de Arrecadação e de Auditor Fiscal da Fazenda Estadual. Para o governador, a realização do concurso foi um passo muito importante e significativo no sentido de conectar o Estado de Alagoas à modernidade.

“A conexão da Secretaria da Fazenda com a contemporaneidade é fundamental para o enfrentamento dos desafios vindouros e a chegada desses novos servidores é exatamente a garantia disso. Eles vão colaborar muito para a racionalização do sistema tributário do Estado”, declarou Renan Filho, destacando a solidez fiscal e a elevação da capacidade de investimento de Alagoas, que possibilitam a concretização de obras importantes e a realização de concursos públicos. Ele reafirmou que novos certames serão promovidos no próximo ano.

“Nós vamos fazer um grande ciclo de concursos públicos, que se iniciaria esse ano e que não foi adiante por conta da pandemia. Mas nós vamos fazer concurso para professor, policial civil e militar; para bombeiro, para a saúde, de maneira que teremos concursos para as áreas mais importantes do Estado: saúde, segurança e educação”, citou.

O secretário de Estado da Fazenda afirmou que a pasta vive um momento muito importante com a entrada dos novos auditores, que representam o rejuvenescimento do corpo de funcionários.

“São servidores que vão agregar novos valores, novas características e isso é fundamental para mantermos um processo de transformação de gestão, iniciado em 2015. Eu tenho certeza que vão dar muitos resultados para o futuro de Alagoas”, declarou George Santoro.

Formada em Engenharia Civil, a alagoana Isadora Nogueira de Araújo Lameiras, 28 anos, alcançou o primeiro lugar no concurso da Sefaz para o cargo de Fiscal da Receita Estadual. Em entrevista à Agência Alagoas, ela revelou que foram dois anos e meio de muita dedicação aos estudos para conseguir a aprovação.

“Desde que ouvi rumores de que haveria concurso para a Sefaz de Alagoas que eu me dediquei 100% a ele; fiquei esse tempo sem trabalhar, então realmente foi uma dedicação intensa, que valeu a pena, porque todo concurseiro sabe que a gente abdica de muita coisa”, disse.

Ela falou ainda da alegria de ser aprovada em concurso público para trabalhar no Estado onde nasceu e que passa por avanços e transformações significativas. “A satisfação é ainda maior em saber que eu vou poder estar na minha casa, servir ao meu Estado, e entrar no serviço público nesse momento tão bom para Alagoas, que está crescendo tanto; um estado tão pequeno, mas que está tão evoluído”, acrescentou.

Participaram, ainda, da solenidade o secretário de Estado do Planejamento, Gestão e Patrimônio, Fabrício Marques; o procurador-geral do Estado de Alagoas, Francisco Malaquias; da Comunicação, Enio Lins; a secretária especial do Tesouro Estadual, Renata dos Santos; o superintendente especial da Receita Estadual, Francisco Suruagy; o contador-geral do Estado, Ricardo Leite; dentre outras autoridades.

O concurso

Publicado em novembro de 2019, o edital de abertura do concurso ofertou 25 vagas para o cargo de Auditor de Finanças e Controle de Arrecadação, com salário de R$ 8.264,90, e 60 vagas para Auditor Fiscal da Fazenda Estadual, com salário de R$ 9.471,42, ambos com carga horária semanal de 40 horas.

Os novos servidores concorreram com mais de 8 mil candidatos inscritos nas provas do certame realizado em fevereiro deste ano, que teve como banca organizadora o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe). A seleção foi dividida em duas fases, com etapas objetiva e discursiva, de caráter eliminatório e classificatório.