Notícias

AGÊNCIA ALAGOAS

Governo do Estado de Alagoas
Quinta, 24 Setembro 2020 16:37
EXPANSÃO

Secretário da Saúde apresenta perfil assistencial do Hospital Regional da Mata

Alexandre Ayres se reuniu com secretários e representantes dos onze municípios da 3ª Macrorregião de Saúde

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
Alexandre Ayres se reuniu com secretários e representantes dos onze municípios da 3ª Macrorregião de Saúde Alexandre Ayres se reuniu com secretários e representantes dos onze municípios da 3ª Macrorregião de Saúde Igor Nascimento
Texto de Nigel Santana

O Hospital Regional da Mata, erguido no município de União dos Palmares, será entregue à população no próximo dia 5 de outubro. Enquanto os retoques finais estão a cargo dos trabalhadores envolvidos na obra, o secretário de Estado da Saúde, Alexandre Ayres, apresentou, nesta quinta-feira (24), aos secretários municipais de saúde, qual o perfil assistencial da unidade.

Representantes das cidades de União dos Palmares, Murici, Branquinha, Santana do Mundaú, Ibateguara, Colônia Leopoldina, Novo Lino, Jundiá, Campestre, Joaquim Gomes e São José da Laje conheceram os serviços que serão disponibilizados, além da estrutura física do hospital. Para o gestor da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), o Hospital Regional da Mata chega para democratizar o acesso à saúde e preencher um vazio assistencial histórico na região.

“Assim que o Hospital Regional da Mata estiver em pleno funcionamento, será um sonho realizado para os moradores desta região, que infelizmente vivenciam um vazio assistencial histórico. A manutenção desta estrutura de saúde será fundamental para que a qualidade na prestação do serviço à população seja mantida, sobretudo com profissionais e servidores qualificados”, destacou o secretário Alexandre Ayres.

O gestor da saúde estadual ressaltou que o Hospital Regional da Mata representa um benefício extensivo a 265 mil habitantes que residem nos municípios que compõem a 3ª Macrorregião de Saúde. A unidade tem o seu fluxo de atendimentos como porta aberta para urgência e emergência, com classificação de risco e demanda espontânea.

“Os pacientes que chegarão ao Hospital Regional da Mata serão encaminhados pelos hospitais e unidades mistas de saúde, localizadas nos municípios da 3ª Macrorregião. Para chegar até a unidade, os municípios terão que acionar a Regulação do Estado, um sistema que vem facilitado muito a atenção às pessoas”, explicou o secretário.

Serviços – Em relação aos serviços do hospital, além da urgência e emergência, unidade de internação, centro de diagnóstico, centro cirúrgico e ambulatórios constam na unidade. No centro de diagnóstico terá laboratório funcionando 24 horas, tomografia computadorizada, raios-x e ultrassonografia abdominal total. Já os ambulatórios terão as especialidades nas áreas vascular, ginecologia, clínica médica e cirurgia geral.

Em relação às unidades de internação, serão 30 leitos clínicos, 27 leitos para cirurgias, 18 leitos para obstetrícia e 10 leitos para pediatria. O centro cirúrgico conta com quatro salas e sete leitos de recuperação anestésica.

“Uma diversidade de serviços que estarão postos à população que mais necessita. Perceba que as pessoas não querem muito quando se trata de saúde. Elas querem ter o acesso aos serviços quando precisam. E é justamente neste sentido que estamos trabalhando para garantir esse direito fundamental”, finalizou o secretário, ao direcionar como será o fluxo de atendimentos no Hospital Regional da Mata.

Após a apresentação, o secretário Alexandre Ayres conduziu os representantes da 3ª Macrorregião de Saúde para conhecer a estrutura física da obra. Também acompanharam tanto a visita quanto a apresentação, o secretário-executivo de Ações de Saúde, Marcos Ramalho, a secretária-executiva do Conselho de Secretarias Municipais de Saúde de Alagoas (Cosems/AL), Sylvana Medeiros, o presidente do Conselho Estadual de Saúde de Alagoas (CES/AL), José Francisco de Lima e a enfermeira Marcelle Perdigão Gomes, que assumirá a direção-geral do Hospital Regional da Mata.