Notícias

AGÊNCIA ALAGOAS

Governo do Estado de Alagoas
Quinta, 25 Junho 2020 14:31
ACOLHIMENTO EM REDE

Usuários do Alô Saúde Mental passam a ser monitorados por sete dias

Serviço atende pessoas em sofrimento psicológico em razão da pandemia da Covid-19

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
Alô Saúde Mental passa a assegurar assistência sistemática Alô Saúde Mental passa a assegurar assistência sistemática Igor Nascimento
Texto de Josenildo Törres

Para potencializar a eficácia do atendimento prestado pelo Alô Saúde Mental, serviço criado para atender pessoas em sofrimento psicológico durante a pandemia da Covid-19, os usuários passaram a ser acompanhados por um período de sete dias. A medida visa otimizar o processo de acolhimento, assegurando maior efetividade na melhora do quadro clínico apresentado pelos usuários.

O serviço atende via plataforma de whatsapp, disponível pelo número 3315-1532 e através de um link exclusivo no portal www.saude.al.gov.br, onde os interessados fazem contato com psicólogos. Funcionando desde 1º de junho deste ano, todos os dias da semana, das 7h às 19h, o Alô Saúde Mental é gerenciado pela Supervisão de Atenção Psicossocial da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau).

Para realizar o acompanhamento por sete dias, o Alô Saúde Mental está promovendo uma classificação de risco, a partir de frequência e intensidade dos sintomas relatados pelos usuários. Por meio dessa classificação, o paciente entra no serviço de acompanhamento e, durante uma semana, ele recebe mensagens de monitoramento, verificando como ele está em relação a queixa inicial.

“Nossa equipe de 10 psicólogos, treinados para lidar com transtornos mentais causados pela Covid-19, irão verificar se o paciente está apresentando melhora em seu quadro clínico. Caso a situação se mantenha inalterada ou ele venha a apresentar uma piora, a equipe de psicólogos automaticamente entra novamente em contato, com o intuito de rever as estratégias adotadas”, explica o supervisor de Atenção Psicossocial da Sesau, Rodrigo Gluck.

Balanço – Em 24 dias de funcionamento, o Alô Saúde Mental atendeu 201 usuários. Entre os temas abordados, estão questões relacionadas à ansiedade, pânico e medo, em decorrência da pandemia da Covid-19. Também figuram entre os assuntos tratados durante o contato, problemas como violência familiar, idealização suicida, conflitos no ambiente de trabalho, além de depressão.