Notícias

AGÊNCIA ALAGOAS

Governo do Estado de Alagoas

 

 

Terça, 24 Março 2020 14:47

TI ESTADUAL MOBILIZADA

Técnicos do Itec trabalham em quarentena para manter serviços de TI funcionando

Categoria está fazendo rodízio para garantir o home office da administração pública alagoana

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
Outros setores ligados à Gero que seguem funcionando são a central de serviços do Itec e o Call Center Detran Outros setores ligados à Gero que seguem funcionando são a central de serviços do Itec e o Call Center Detran Ascom Itec
Texto de Isaac Moraes

Além dos profissionais da saúde e da segurança pública, que estão se desdobrando para manter o atendimento nos hospitais e postos e garantir a segurança e cumprimento dos decretos governamentais nas ruas, os analistas de sistemas do Instituto de Tecnologia em Informática e Informação (Itec) também seguem trabalhando durante a pandemia.

Os demais profissionais do Itec estão em home office, mas os da gerência de operações (Gero) realizam rodízio intensificado. Enquanto um número reduzido se faz presente fisicamente, a maior parte trabalha de casa, enquanto não chega na escala o momento de cumprir o dia junto ao data center estadual, que comporta sistemas, serviços e ferramentas essenciais para a continuidade dos trabalhos na administração pública estadual.

“O momento é crítico, mas como sabemos que seria muito pior caso os serviços de TI não estivessem disponíveis para serem utilizados, nós do Itec estamos nos revezando para manter em dia atualizações, manutenção e monitoramento da rede e do Data Center Estadual.” disse Emerson Martins, administrador de banco de dados do Itec.

“Pedimos a todos, em especial aos servidores que podem, que fiquem em casa, pois nós da equipe Gero asseguramos que tudo corra bem nessa área” completou  Eric Rizzo, analista de redes do Itec.

Além do data center estadual, outros setores ligados à Gero que continuam em funcionamento para manutenção dos trabalhos são a central de serviços do Itec e o Call Center Detran, obedecendo à proporção especificada no Decreto Oficial do governador, para auxiliar os servidores que estão em home office por tele trabalho. Há também revezamento de pessoas nos serviços gerais e vigilância para assegurar proteção e comodidade aos que estão tendo que comparecer in loco.