Notícias

AGÊNCIA ALAGOAS

Governo do Estado de Alagoas
Segunda, 23 Março 2020 10:08
PREVENÇÃO

Covid-19: Polícia Civil orienta população a registrar BO por meio da Delegacia Interativa

Serviço para denunciar crimes diversos pode ser acessado pelas pessoas de casa, por meio de celular, computador ou tablet

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
Pela Delegacia Interativa é possível registrar roubos, furtos, perdas ou extravio, dentre outros crimes Pela Delegacia Interativa é possível registrar roubos, furtos, perdas ou extravio, dentre outros crimes Divulgação
Texto de Ascom PC

Seguindo as recomendações emitidas pelo Ministério da Saúde,  Organização Mundial da Saúde (OMS) e o decreto de emergência do governo estadual para conter o avanço do COVID-19, a Polícia Civil de Alagoas orienta a população a priorizar a busca pelos serviços por meio da Delegacia Interativa (www.delegaciainterativa.al.gov.br).

Na Delegacia Interativa, o cidadão pode registrar seu boletim de ocorrência (BO) de casa seja por computador ou por celular. Isso evita aglomeração nas delegacias físicas da Polícia Civil, uma vez que nessas unidades já há uma grande circulação de pessoas, tanto população local como vindas de outras cidades.

Pela Delegacia Interativa é possível registrar roubo de celular, furto, perda ou extravio, todos os tipos de crimes de roubo a transeuntes e ainda roubo a residências, dano, injúria, difamação, calúnia, acidente de trânsito (sem vítima), violação de domicílio, maus-tratos contra animais, desaparecimento de pessoas.

Nos casos de furto, calúnia, injúria e difamação, os registros podem ser feitos quando os crimes ocorrerem de forma convencional ou de forma virtual. Os crimes enquadrados na Lei Maria da Penha (nos casos de crimes de calúnia, injúria, difamação e ameaça) também podem ser denunciados de forma remota.

A Delegacia Interativa pode ser acessada por computador, celular ou tablet.

O boletim de ocorrência feito pela Delegacia Interativa tem a mesma validade que um boletim feito numa delegacia convencional, numa delegacia ou nos postos de atendimento situados em vários pontos da capital ou no interior do Estado. O cidadão registra o crime e recebe um link para imprimir o BO.

A Polícia Civil pede a compreensão de toda a população para que evite o deslocamento até uma delegacia e, desta forma, coloque a si e às pessoas em risco.