Notícias

AGÊNCIA ALAGOAS

Governo do Estado de Alagoas
Quarta, 04 Setembro 2019 10:34
RESULTADO HISTÓRICO

Em 3 anos, número de assaltos a ônibus reduziu de 110 para apenas um no mês de agosto

Segundo o Núcleo de Estatística e Análise Criminal da SSP, percentual de redução é de 95,8% em comparação ao mesmo perídodo do ano passado

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
Reunião mensal discute estratégias de combate a assaltos a ônibus Reunião mensal discute estratégias de combate a assaltos a ônibus Foto: Ascom SSP
Texto de Luciana Beder e Vanessa Siqueira

O transporte público já chegou a ser algo evitado por boa parte da população, que temia os assaltos. Porém, este cenário foi transformado quando a Segurança Pública adotou estratégias integradas para coibir as ações criminosas e prender os autores. Ao longo dos últimos anos, mês a mês, as ocorrências vêm diminuindo e agosto foi encerrado com apenas um registro de assalto.

De acordo com o Núcleo de Estatística e Análise Criminal (Neac), da Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP), se comparado ao mesmo período do ano passando, onde foram registradas 24 ocorrências, vemos uma redução de 95,8%. O resultado atual foi o melhor desde que o Neac passou a contabilizar tais eventos em transporte coletivo.

Analisando as estatísticas também é possível comprovar que houve uma severa mudança na dinâmica do transporte público. Em 2016, agosto contabilizou 110 ocorrências. Já em 2017 o mesmo mês teve uma redução para 37 ações e em 2018 caiu para 24 assaltos.

O resultado também é positivo no acumulado do ano. Ao compararmos os dados de janeiro a agosto deste ano com o do mesmo período do ano anterior, constatamos uma redução de 73,8%. Neste ano, foram registrados 69 ocorrências, já no ano passado foram 264, que já era considerado o melhor resultado.

Durante reunião com representantes de empresas do setor e do Sindicato dos rodoviários, ocorrida nesta terça-feira (03), o secretário de Estado da Segurança Pública, Lima Júnior, destacou que a redução alcançada no mês de agosto era algo inimaginável de ser atingido, já que é muito difícil conseguir reduzir para quase zero uma modalidade criminosa. Ele destacou ainda que os números de 2019 também surpreendem, já que em anos anteriores, a média de assaltos ultrapassava as 100 ocorrências. 

“Chegamos a um patamar que ninguém imaginava e isso só aumenta a nossa responsabilidade. Aqui não tem mérito do sindicato, das empresas ou da Segurança Pública, é mérito de todos e é algo que nós construímos lá atrás quando iniciamos estas reuniões mensais. Era um período que os meses contabilizavam mais de 120 assaltos, os rodoviários temiam por sua segurança e a população colecionava traumas com os ataques criminosos. Temos que manter o trabalho desempenhado pelos Batalhões, pelo Ronda no Bairro, que tem ajudado bastante nas áreas em que atua, e por toda a Segurança Pública”, afirmou.

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Transporte Rodoviário (Sinttro), Sandro Reges, agradeceu mais uma vez a parceria e ressaltou que o resultado é muito importante para toda a população.

“Ninguém poderia imaginar que chegaríamos a um único assalto no mês, porque numa cidade onde rodam quase 700 ônibus, um assalto não é nada. É um trabalho que começou há um tempo e estamos colhendo os frutos. Só temos a agradecer a toda equipe das Polícias Civil e Militar, que têm feito um trabalho excelente no combate aos assaltos a ônibus”, disse.

Para o gerente do Sindicato das Empresas de Transporte Urbano de Passageiros (Sinturb), Tony Melo, o resultado também é muito satisfatório e considerado histórico.

 “Nós tínhamos uma média de 100 assaltos por mês e hoje chegamos a um assalto por mês. É algo que jamais achávamos que poderia acontecer. O Sinturb só tem a agradecer à SSP pelo trabalho, pelas ações que vêm sendo desempenhadas com êxito”, afirmou.