Notícias

AGÊNCIA ALAGOAS

Governo do Estado de Alagoas
Segunda, 19 Agosto 2019 18:15
GERAÇÃO DE RENDA

Mães do Jacintinho comemoram resultado da mostra de artesanato do Ronda no Bairro

Produtos feitos na Oficina de Inclusão Produtiva ficaram expostos no Maceió Shopping, sexta e sábado últimos, e artesãs consideram saldo de vendas positivo

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
1ª exposição de produtos artesanais confeccionados na Oficina de Inclusão Produtiva, ministrada para mães de alunos moradores do bairro Jacintinho 1ª exposição de produtos artesanais confeccionados na Oficina de Inclusão Produtiva, ministrada para mães de alunos moradores do bairro Jacintinho Foto: Ascom Ronda no Bairro
Texto de Alexandre Barbosa

“Excedeu as minhas expectativas”. Foi com essas palavras que a dona de casa Maura Leal, de 55 anos, comemorou o resultado da 1ª exposição de produtos artesanais confeccionados na Oficina de Inclusão Produtiva, ministrada para mães de alunos moradores do bairro Jacintinho que são acompanhados por ações promovidas, de segunda a sábado, pelo Programa Ronda no Bairro, do Governo do Estado. O evento teve início na última sexta-feira (16), no Maceió Shopping.



“Nós topamos o desafio de levar os produtos pra o público, mas sempre fica aquele receio, né? Ver que ‘teve saída’ e que as pessoas gostaram do que a gente fez, que o nosso trabalho foi valorizado, logo assim ‘de primeira’, é muito gratificante. Estamos realmente muito felizes. Agora é continuar aperfeiçoando os estudos e produzindo ainda mais para as próximas oportunidades”, continuou a mãe.



Ao todo, cerca de 50 peças foram vendidas e mais mil reais foram arrecadados nos dois dias de exposição. Para a professora Sandra Souza, que ministra as aulas, o saldo foi “extremamente positivo, tendo em vista o curto espaço de tempo desde o início do curso e que a maioria delas nunca havia tido contato com a produção de artesanato. São mães que, mesmo em meio às dificuldades, não se cansam e estão sempre em busca de aprender mais. Estamos muito orgulhosas”, afirmou.



Ainda segundo a professora, o curso foi pensado justamente “para despertar nelas a importância de reciclagem de materiais, oferecer novas formas de ocupar o tempo ocioso das mesmas, incentivar uma atuação maior no acompanhamento das atividades dos filhos, e lhes garantir uma nova fonte de renda”. 



A Oficina de Inclusão Produtiva teve início no último mês de maio e conta, atualmente, com a participação de 20 mães de alunos - que também são atendidos pelo Ronda no Bairro com aulas de assistência escolar, judô, iniciação musical, entre outras. Todo o dinheiro arrecadado será revertido para as próprias alunas e para a manutenção do curso, como a compra de materiais que auxiliem na produção.