Notícias

AGÊNCIA ALAGOAS

Governo do Estado de Alagoas
Sexta, 24 Maio 2019 13:14
“Poemas”

Ismael Pereira lança livro Inspirado na cultura e história sertaneja de AL

Com apoio do Governo de Alagoas, obra conta com 150 versos selecionados ao longo da vida do escritor e artista plástico

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
Lançamento aconteceu no Museu Palácio Floriano Peixoto nessa quinta-feira (23) Lançamento aconteceu no Museu Palácio Floriano Peixoto nessa quinta-feira (23) Foto: Neno Canuto
Texto de Dayris Carvalho

O Governo de Alagoas, por meio da Secretaria de Cultura, lançou nesta quinta-feira (23), o livro “Poemas”, do artista plástico Ismael Pereira, no Museu Palácio Floriano Peixoto. São 150 versos produzidos ao longo de sua vida, inspirados, principalmente, na cultura e história sertaneja de Alagoas.

Ismael Pereira é natural de Sergipe, porém, passou boa parte de sua vida em Arapiraca. Segundo o artista, o contato com as terras alagoanas o fez começar a escrever poesia, um encanto oculto que por muito tempo guardou consigo.“Estou bastante feliz com este momento. Espero contribuir para o segmento da poesia e que o meu livro consiga tocar no coração das pessoas que o lerem”, declara o escritor.

 Lançamento aconteceu no Museu Palácio Floriano Peixoto nessa quinta-feira (23) (Foto: Neno Canuto)

O Secretário de Estado da Comunicação, Enio Lins, afirmou que o Governo de Alagoas se sente prestigiado em lançar um livro que vai contribuir com a poesia no estado. “É com certeza uma honra para a gestão de Renan Filho. Ismael Pereira, além de um grande artista plástico, faz parte de uma geração de políticos progressistas que fizeram muito pelos municípios e pelo Estado”.

   Lançamento aconteceu no Museu Palácio Floriano Peixoto nessa quinta-feira (23) (Foto: Neno Canuto)

Ismael Pereira tem quatro legislaturas em Alagoas, uma como vereador em Arapiraca e três como deputado estadual. É bacharel em Direito, mas nunca exerceu a profissão, dedicando-se com esmero às artes plásticas."Ismael colaborou bastante para a política, artes e cultura de Alagoas. Desta vez ele explora o campo da literatura e mostra que é realmente um artista multifacetado”, assegurou a secretária de Estado da Cultura, Mellina Freitas.

Aos 78 anos, compartilhando seus poemas escritos, Ismael Pereira se emociona ao lembrar-se do poema que o fez querer publicar o livro. Intitulado “Meu Filho”, os versos homenageiam seu filho primogênito que faleceu aos 14 anos. “Sinto profunda saudade de você. Nunca mais pisei em terra firme, hoje os meus olhos são apenas dois pedaços de chão sertanejo: secos, esturricados, sem mais um pingo d’água pra chorar”, recitou.