Notícias

AGÊNCIA ALAGOAS

Governo do Estado de Alagoas
Quarta, 15 Maio 2019 14:18
PRESERVAÇÃO

Com apoio do Governo de AL e do Iphan, Instituto Histórico finaliza restauração

Obra contempla melhorias na acessibilidade, além de adequar os espaços físicos dos edifícios para ampliação do prédio

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
Historiador e professor Jayme de Altavila destacou a importância do Instituto para a cultura alagoanaur Historiador e professor Jayme de Altavila destacou a importância do Instituto para a cultura alagoanaur Foto: Thiago Sampaio
Texto de Wellington Santos

O mais importante acervo relativo à historia sociocultural  de Alagoas tem agora uma casa totalmente estruturada. Por meio de recursos próprios, com apoio do Governo de Alagoas e do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPhan), foi apresentada, nesta quarta-feira (15), a segunda etapa da restauração concluída do prédio que abriga o Instituto Histórico e Geográfico de Alagoas (IHGAL), localizada no centro de Maceió.

A apresentação foi feita pelo presidente do IHGAL, Jayme de Altavila, e contou com a presença do secretário do Gabinete Civil, Fábio Farias, representando o governador Renan Filho; da presidente do Iphan nacional, Kátia Bogéa; do secretário de Estado da Comunicação, Enio Lins; do superintendente do Iphan em Alagoas, Mário Aloísio; intelectuais e várias personalidades.

Com investimentos de cerca de R$ 800 mil, a obra contemplou melhorias na acessibilidade, além de adequar os espaços físicos dos edifícios para ampliação do prédio, possibilitando um melhor usufruto pela comunidade dos equipamentos e atividades oferecidas. 

Solenidade de entrega da segunda etapa da restauração do IHGAL (Foto: Thiago Sampaio)

“O Estado de Alagoas é grato pelo trabalho apaixonante do Iphan e do professor Jayme (de Altavila). Por isso que a mensagem do governador Renan Filho é de gratidão por tudo que tem sido feito para preservar a nossa história”, destacou o secretário Fabio Farias, ao acrescentar: “Uma das atribuições que me dá particular prazer no Gabinete Civil é o de cuidar da história para salvaguardar a nossa cultura”, completou Farias, ao relembrar dos eventos que culminaram com as comemorações dos 200 anos de Alagoas, completados recentemente.   

“Toda a história e as raízes de Alagoas estão aqui neste prédio, é um acervo excepcional. A sociedade alagoana e as escolas precisam estar aqui e transformar tudo isso em material didático”, ressaltou a presidente do Iphan nacional, Kátia Bógea.   

Preciosidade nacional

O IHGAL foi fundado em 1869 e era inicialmente conhecido como Instituto Arqueológico e Geográfico Alagoano. Foi o segundo instituto histórico a surgir no Brasil dedicado ao estudo e à pesquisa nos campos da história, da geografia e das ciências sociais. Abriga o mais representativo acervo iconográfico e documental do Estado, além de peças arqueológicas e etnográficas, obra de arte e a Coleção Etnográfica Perseverança e Auxílio, uma preciosidade que conserva aspectos fundamentais da religiosidade de origem de matriz africana, considerada a maior do Brasil.

Ainda sobre a Sociedade Perseverança e Auxílio dos Caixeiros viajantes de Maceió, o prédio serve como ponto de encontro dos comerciantes que resultaram em conquistas ligadas aos direitos trabalhistas.