Notícias

AGÊNCIA ALAGOAS

Governo do Estado de Alagoas
Sexta, 15 Março 2019 15:43
15 de março

No mês do consumidor, Procon Alagoas intensifica ações de fiscalização

A equipe técnica do Instituto autuou estabelecimentos no ramo alimentício e examinou os postos de combustíveis da capital

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
Nesta sexta-feira, as equipes de fiscais passaram por vários supermercados e postos de combustíveis de Maceió e região metropolitana Nesta sexta-feira, as equipes de fiscais passaram por vários supermercados e postos de combustíveis de Maceió e região metropolitana Foto: Ascom Procon
Texto de Ascom Procon

Em 15 de março é celebrado o Dia do Consumidor e o Instituto de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon/AL) intensificou as ações de fiscalização durante todo o mês. Nesta sexta-feira, as equipes de fiscais passaram por vários supermercados e postos de combustíveis de Maceió e região metropolitana. Na ação, seis estabelecimentos foram autuados. Já nos postos de combustíveis não foram encontradas irregularidades.

Na região metropolitana de Maceió e nas cidades de Barra de São Miguel, Marechal Deodoro, Paripueira, Barra de Santo Antônio uma equipe do Procon Alagoas visitou mercadinhos e estabelecimentos comerciais. Durante a vistoria nos bairros da Ponta Grossa, Vergel e Tabuleiro dos Martins, os fiscais encontraram alimentos com data de validade vencida, entre eles: barras de chocolate, iogurtes, queijo, sorvetes e lasanhas. Os produtos foram recolhidos no local e os estabelecimentos foram autuados.

Na região do Francês, uma mercearia também foi notificada por vender alimentos fora da validade, enquanto dois estabelecimentos em Paripueira, foram notificados por armazenamento irregular de produtos e fora da validade.

Em relação aos postos de combustíveis, os fiscais percorreram os bairros, Barro Durro, Tabuleiro dos Martins, Prado, Jacitinho, São Jorge e Trapiche, analisando o alvará, o volume de combustível dispensados pelas bombas, tabela de preços e fiscalizando as conveniências.

Além da fiscalização, os fiscais fizeram entrega de Códigos de Defesa do Consumidor (CDC) e tiraram dúvidas dos fornecedores e consumidores nos estabelecimentos. Destacando que é uma semana importante para o cidadão conhecer seus direitos antes de ir às compras.

 Diretor Presidente do Procon/AL, Carlos Eduardo Moura (Foto: Thiago Sampaio)

O Diretor Presidente do Procon/AL, Carlos Eduardo Moura, explica que toda a ação realizada pelo instituto tem como objetivo prevenir e orientar os abusos ao consumidor alagoano. "Nossa equipe está nas ruas, preparada para esclarecer dúvidas e fazer com que os fornecedores pratiquem um melhor atendimento ao consumidor, que é o nosso principal foco. Se o estabelecimento segue o CDC, está bem orientado, assim nós evitamos muitos danos para ambos os lados", explicou Moura.

O Instituto informa que em casos de dúvidas ou denúncias, o consumidor pode entrar em contato, gratuitamente, pelo número 151, por mensagens no site www.procon.al.gov.br ou nas redes sociais: Instagram, Facebook e Whatsapp (82) 9 8889-6619.