Notícias

AGÊNCIA ALAGOAS

Governo do Estado de Alagoas
Quinta, 07 Março 2019 13:46
UMA NOVA HISTÓRIA

Conveniados limpam Estádio Rei Pelé em preparação para os jogos

Trabalho faz parte das ações do Governo para unificar as atividades das pastas em prol da população

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
: Trabalho visa manter limpeza do espaço público : Trabalho visa manter limpeza do espaço público Fotos: Joenne Mesquita
Texto de Mayara Wasty e Maysa Cavalcante

Nesta quinta-feira (7), o clássico das multidões reunirá centenas de alagoanos no Estádio Rei Pelé e a Secretaria de Ressocialização e Inclusão Social (Seris) direcionou uma equipe de reeducandos integrantes do projeto “Uma Nova História” para trabalhar no local e manter o ambiente limpo. A ação é uma parceria entre a Seris e a Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude (Selaj).

Ao todo, 10 reeducandos trabalham para manter o espaço conservado para os torcedores alagoanos. A chefe de Reintegração Social, agente penitenciária Shirley Araújo, explica que a parceria visa otimizar os serviços do Governo do Estado fornecidos à população.

“A Selaj solicitou e prontamente disponibilizamos uma equipe. O trabalho deve durar em média 15 dias em virtude aos jogos que acontecerão nesse período”, disse.

A gestora destaca ainda a importância do trabalho para os conveniados. “É notória a satisfação por estarem envolvidos em atividades que beneficiam a população, ainda mais por ser no Estádio Rei Pelé, pois muitos são apaixonados por futebol”, completou.

“Teremos muitos jogos nessas semanas, desta forma, solicitamos a parceria com a Seris para ajudar no trabalho que já desenvolvemos. A equipe de conveniados está fazendo a limpeza e manutenção do estacionamento, da parte externa do gramado, além da limpeza do próprio estádio”, afirmou o coordenador de Manutenção do Estádio, Otávio Quadros.

Uma Nova história

Além do trabalho no Estádio Rei Pelé, a equipe do projeto Uma Nova História já realizou outras ações em espaços públicos. O 5° Batalhão de Polícia Militar foi limpo pelos conveniados, fortalecendo a parceria da Seris com as forças policiais. Além da capital, cidades do interior também têm recebido atenção da equipe. Murici também recebeu a equipe para os trabalhos de manutenção e conservação.

Lei de subvenção fiscal

Para proporcionar mais oportunidades de trabalho aos egressos do sistema prisional, o Governo do Estado criou a Lei Nº 7.177, de 15 de julho de 2010, que autoriza o poder executivo a conceder subvenção econômica às pessoas jurídicas que contratarem egressos do sistema prisional.

A medida consiste em o Estado pagar um mês de salário a cada três meses pagos pelo empregador. Para participar do projeto, a pessoa jurídica deve realizar o credenciamento e atender os requisitos do Edital Nº 001/2018 da Seris, que está aberto permanentemente. De acordo com a chefe de Reintegração Social, agente penitenciário Shirley Araújo, cerca de 50 egressos estão disponíveis para contratação. Eles já estavam inseridos nos convênios e continuaram sendo acompanhados pelos profissionais do setor após o término da pena.