Notícias

AGÊNCIA ALAGOAS

Governo do Estado de Alagoas
Sexta, 22 Fevereiro 2019 10:46
INVESTIMENTO

Reunião discute detalhes de projeto da nova sede da Secretaria de Ressocialização

Espaço no Centro de Maceió vai ofertar mais comodidade a servidores e população em geral

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
Setor de engenharia apresentou planta de futura sede durante reunião na Seris Setor de engenharia apresentou planta de futura sede durante reunião na Seris Joenne Mesquita
Texto de Bruno Soriano

A equipe de engenharia da Secretaria de Estado de Ressocialização e Inclusão Social apresentou, em reunião nessa quinta-feira (21), detalhes do projeto da futura sede da Seris, no centro de Maceió. Localizado na Rua Barão de Alagoas, o espaço de quase quatro mil m² terá toda a estrutura necessária para a prestação de um serviço de excelência, com direito a equipamentos como sala de informática e brinquedoteca.

As obras de reforma do prédio, que já abrigou a Secretaria de Estado da Educação, devem durar quatro meses. A nova sede será dotada, ainda, de amplo estacionamento, auditório e até sala de descompressão, a fim de proporcionar um ambiente de trabalho ainda mais acolhedor, visando sobretudo ao bem-estar dos servidores da Seris.

Presente à reunião, o secretário de Estado de Ressocialização e Inclusão Social, coronel Marcos Sérgio de Freitas, também conheceu o projeto da área de estacionamento da Casa de Custódia da Capital. O intuito é facilitar o acesso àquela unidade prisional, que também receberá pavimentação com piso intertravado.

No mesmo encontro, os engenheiros da Seris falaram sobre outro projeto em vias de execução e cujo objetivo é facilitar o escoamento da produção dos reeducandos por meio das oficinas de artesanato da Fábrica de Esperança. Localizado no próprio sistema prisional, o espaço vai permitir a exposição e comercialização de produtos diversos, valorizando ainda mais a atividade laboral no processo de ressocialização.

“A prestação de nossos serviços terá um ganho imenso com a nova sede. Já o estacionamento da Casa de Custódia vai proporcionar a devida acessibilidade a todos aqueles que precisam transitar dentro do sistema prisional”, salientou o coronel Marcos Sérgio.