Notícias

AGÊNCIA ALAGOAS

Governo do Estado de Alagoas
Quarta, 23 Janeiro 2019 17:21
EXERCÍCIO

Simulado de desocupação do Pinheiro é antecipado para o dia 16 de fevereiro

Medida visa preservar a atuação do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar durante as prévias de Carnaval na orla de Maceió

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
Órgãos federais, estaduais e municipais envolvidos no Plano de Contingência vão participar de simulado Órgãos federais, estaduais e municipais envolvidos no Plano de Contingência vão participar de simulado Felipe Brasil
Texto de Petrônio Viana

O exercício de desocupação do bairro do Pinheiro, em Maceió, que encontra-se sob risco iminente de acomodação do solo abaixo das residências, foi antecipado para o dia 16 de fevereiro, um sábado, a partir das 15h. Inicialmente, a data do simulado estava marcada para o dia 23 de fevereiro.

De acordo com o coordenador da Defesa Civil Estadual, tenente-coronel Moisés Melo, a medida visa evitar prejuízos na operação montada pela Polícia Civil e o Corpo de Bombeiros para as prévias de Carnaval na orla de Maceió.

“A mobilização da PM e do Corpo de Bombeiros no simulado no bairro do Pinheiro é fundamental para o sucesso do exercício. Mas também é necessário mobilizar esse contingente para as prévias carnavalescas. Então, decidimos alterar a data para que as duas situações possam contar com a força total das corporações”, explicou Melo.

No total, o simulado de evacuação dos moradores do Pinheiro terá a participação de cerca de 600 integrantes dos órgãos federais, estaduais e municipais envolvidos no Plano de Contingência elaborado para um eventual incidente no bairro. O Plano foi apresentado no último dia 18, no Palácio República dos Palmares.

O exercício voltará a ser debatido no dia 4 de fevereiro, em uma reunião preparatória no quartel do 59° Batalhão de Infantaria Motorizada do Exército Brasileiro, que funciona como base de comando de todas as ações referentes à situação no bairro do Pinheiro.

Na reunião preparatória, também devem ser apresentados os planos de contingência específicos de áreas como saúde, fornecimento de energia elétrica e abastecimento de água, elaborado pelos grupos de trabalho de cada setor.

Outras reuniões setoriais da coordenação do Plano de Contingência serão realizadas nos próximos dias com órgãos como a Eletrobras, Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) e Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal).

O Plano de Contingência aponta como pontos de encontro em caso de emergência o terminal de ônibus do bairro do Sanatório, na Rua Professor José da Silveira Camerino; o estacionamento da Casa Vieira, na Rua Tereza de Azevedo; as concessionárias Hyundai e Volkswagen, e o Centro de Estudos e Pesquisas Aplicadas (Cepa), na Fernandes Lima; a Praça Lucena Maranhão, na Avenida Major Cícero de Góes Monteiro, no Bebedouro; e a sede do Instituto do Meio Ambiente de Alagoas (IMA), na mesma avenida, no bairro do Mutange.

O plano pode ser colocado em ação a partir de um novo tremor de terra na região ou devido a condições climáticas que elevem os riscos de um incidente. Qualquer ocorrência na região do Pinheiro deve ser informada pelo telefone 193, do Corpo de Bombeiros.