Notícias

AGÊNCIA ALAGOAS

Governo do Estado de Alagoas
Sexta, 07 Dezembro 2018 11:06
EMPREENDEDORISMO

Projeto Idealize apresenta negócios alagoanos de sucesso para estudantes

Empresários do The Black Beef e Açaí Concept relataram suas experiências exitosas aos alunos

Projeto Idealize estimula o empreendedorismo entre alunos de ensino superior e médio de AL Projeto Idealize estimula o empreendedorismo entre alunos de ensino superior e médio de AL Kaio Fragoso
Texto de Cecília Tavares

Troca de experiências, conhecimento, inovação, negócios e networking. Para impulsionar a cultura empreendedora entre jovens alagoanos, a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur) promoveu, nesta quinta-feira (6), no Parque Shopping, o Idealize, seminário de empreendedorismo voltado a estudantes de instituições de ensino superior e médio de Alagoas.

 

O Idealize, que teve seis edições somente este ano, tem como base a filosofia adotada pelo “Em Ação”, projeto bienal desenvolvido pela Sedetur desde 2015 em todo o estado, que dissemina e desperta o empreendedorismo entre jovens alagoanos.

 

Durante o evento, os empresários Miguel Teixeira, proprietário da rede Açaí Concept, e Deco Sadigursky, do The Black Beef, falaram sobre as suas trajetórias no mundo dos negócios. O fundador do projeto “Manda Ver”, Carlos Jorge, também falou sobre a iniciativa, que estimula o empreendedorismo entre jovens da comunidade carente do bairro do Vergel do Lago.

 

Há 12 anos em Alagoas, o baiano Deco Sadigursky abriu, em 2014, um food truck com a marca The Black Beef. Segundo ele, a ideia sempre foi trabalhar com produtos frescos – molhos, carnes, saladas, pães – para entregar um produto de altíssima qualidade aos clientes. “Foi tudo muito bem pensado e planejado para que desse certo. Pesquisei mercado, local ideal, um produto que tivesse ampla aceitação, criei uma marca que pudesse atingir todo tipo de público”, explicou Deco.

 

Estudantes conheceram cases de sucesso e debateram sobre empreendedorismo (Kaio Fragoso)

 

Com um investimento inicial de R$ 60 mil, a marca atingiu, em 1 ano e três meses, o valor de mercado de R$ 1,1 milhão. Já são 20 lanchonetes abertas no Brasil, uma nova unidade sendo construída em Portugal e a projeção de terminar 2019 com 40 unidades abertas.

 

Já a marca Açaí Concept, criada pelo português Miguel Teixeira, também foi iniciada em 2014, em Alagoas, com um pequeno quiosque. Hoje, a rede de Açaí tem 300 lojas espalhadas pelo país, além de unidades em Portugal, Espanha, Estados Unidos, Canadá e Suíça.

 

Estudantes conheceram cases de sucesso e debateram sobre empreendedorismo (Kaio Fragoso)

 

“Sucesso não vem sem sacrifício. Não existe segredo, é um conjunto de fatores que leva você a dar certo ou não naquilo que faz. Mas, muito importante é descobrir o que você tem amor por fazer, e aí aceitar o desafio, planejar e se empenhar”, disse Miguel.

 

Para o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Rafael Brito, a promoção da cultura empreendedora entre os jovens é fundamental para o desenvolvimento socioeconômico de Alagoas. “O empreendedorismo é uma importante saída para o desemprego, criando novos agentes de mercado, que geram, muitas vezes, oportunidades para outras pessoas, fomentando a atividade econômica”, pontuou Rafael Brito.

 

Além de conhecer os cases de sucesso, os participantes puderam participar de um debate com os palestrantes e com o consultor Victor Ferreira, discutindo questões relacionadas às dificuldades e estratégias para empreender de maneira mais eficiente.