Notícias

AGÊNCIA ALAGOAS

Governo do Estado de Alagoas
Terça, 30 Outubro 2018 13:54
RISCO FAUNA

Projeto alerta estudantes sobre descarte irregular de lixo próximo ao aeroporto

Cerca de 200 alunos aprenderam sobre os riscos de jogar lixo em áreas próximas ao Aeroporto Zumbi dos Palmares

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
Alunos recebem informações sobre descarte irregular de lixo Alunos recebem informações sobre descarte irregular de lixo Ascom Semarh
Texto de Débora Rosset

O projeto “Risco Fauna” deu mais um passo, nessa segunda-feira (29), nas ações de preservação ambiental. Aproximadamente 200 estudantes do ensino fundamental e médio do colégio municipal Benedita da Silva, situado no Benedito Bentes, em Maceió, aprenderam sobre os riscos do descarte irregular de resíduos sólidos em áreas próximas ao Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares.

Por meio de uma peça teatral, os alunos entenderam a importância de descartar o lixo corretamente. “Até hoje eu não me importava de jogar o lixo na rua e até mesmo pela escola, mas depois de ver o quanto isso é prejudicial para o meio ambiente e para a saúde, só irei descartar no lugar certo, na lixeira”, confessou a pequena Jamile dos Santos, de 7 anos.

O projeto Risco Fauna é uma iniciativa da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh) em parceria com a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) e a Secretaria Municipal de Educação (Semed).

As ações levam informações sobre a separação correta dos resíduos sólidos a estudantes, por meio da educação ambiental e de histórias com a temática sustentável. A equipe que coordena o projeto acredita que a peça teatral consegue prender a atenção do aluno, que por sua vez, replica o conhecimento com amigos e familiares.

“A educação ambiental, por meio dos fantoches, desperta a curiosidade dos alunos e mostra uma realidade que pode vir a acontecer caso medidas simples não sejam parte do nosso cotidiano”, explica a gerente de Resíduos Sólidos da Semarh, Elaine Mello.

Além da peça teatral, a equipe técnica da Semarh, composta por Isis Lins, Laís Acioli, Magdally Costa e Elisangela Tavares também proporcionam aos alunos o Circuito Ambiental, um ciclo de brincadeiras voltado para a preservação ambiental e hídrica.