Notícias

AGÊNCIA ALAGOAS

Governo do Estado de Alagoas
Terça, 05 Junho 2018 18:03
ONU-HABITAT

Governador afirma que é importante discutir componente urbanístico de Maceió

Renan Filho recebeu integrantes do Programa das Nações Unidas para os Assentamentos Humanos no Mupa

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
Representantes da ONU-Habitat estão em Maceió para o maior encontro sobre desenvolvimento urbano Representantes da ONU-Habitat estão em Maceió para o maior encontro sobre desenvolvimento urbano (Fotos: Thiago Sampaio)
Texto de Severino Carvalho

O governador Renan Filho e secretários de Estado receberam, na tarde desta terça-feira (5), os integrantes do Programa das Nações Unidas para Assentamentos Humanos (ONU-Habitat) para um almoço no Museu Palácio Floriano Peixoto (Mupa). Eles participam, em Maceió, do Dia da ONU em Alagoas: Diálogos sobre Desenvolvimento Urbano, Social e Econômico. O evento acontece no Centro Cultural e de Exposições Ruth Cardoso, no Jaraguá.

 

Thiago Sampaio

 

No discurso de boas-vindas, Renan Filho afirmou que é importante discutir o componente urbanístico da cidade com vistas à redução dos índices de violência em Maceió e à melhoria da qualidade de vida dos moradores, a exemplo do que foi feito em Medellín, na Colômbia, por meio do ONU-Habitat.

 

O programa das Nações Unidas inspirou as ações desenvolvidas pelo ‘Vida Nova nas Grotas’, projeto executado desde 2016 na capital alagoana pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Transporte e Desenvolvimento Urbano (Setrand).

 

Thiago Sampaio

 

“Às vezes, as pessoas não levam isso [componente urbanístico] em consideração e constroem muros altíssimos, achando que estão se protegendo. Lá, em Medellín, onde existiam muros, esquinas e escuridão, havia aumento da violência; ocorria justamente o contrário do que a gente imagina. Acho que esse componente urbanístico deve entrar na agenda para se discutir qual será o modelo adotado em Maceió daqui para frente, porque muito pouco investimento foi feito no sentido de adequar a cidade a essa nova realidade”, ponderou o governador.

 

Renan Filho destacou a parceria do Governo do Estado com o ONU-Habitat na implementação do ‘Vida Nova nas Grotas’ em Maceió, que já beneficia mais de 135 mil pessoas, de um total aproximado de 250 mil residentes destas comunidades. Elas são contempladas com serviços de melhoria da infraestrutura urbana e ações intersetoriais de promoção da saúde, educação e bem-estar social.

 

Entre as mais de 70 comunidades existentes na capital, 35 delas já estão usufruindo das mudanças proporcionadas pelo programa, a exemplo da construção de escadarias drenantes, pontilhões, passeios e corrimãos.

 

Thiago Sampaio

 

“Essa parceria com as Nações Unidas é muito importante para nós. A colaboração da ONU fortalece o projeto e, sobretudo, mostra que estamos no caminho certo. O ‘Vida Nova nas Grotas’, que começou como ‘Pequenas Obras Grandes Mudanças’, teve seu nome modificado, porque cresceu muito. Ele surgiu a partir de reuniões que fizemos por meio de um projeto chamado ‘Queremos Ouvir Você’. O cidadão teve a oportunidade de falar e ele disse que queria coisas simples: a escadaria, um espaço para o filho brincar, uma ponte que permitisse a criança não passar pelo esgoto e chegar à escola. Essas obras têm modificad, e muito, a vida das pessoas, e nós estamos chegando com outras ações como, a exemplo do microcrédito”.

 

Participaram do almoço no Mupa o diretor do Escritório Regional do ONU-Habitat para a América Latina e o Caribe, Elkin Velasquez; o arquiteto e urbanista colombiano Alejandro Echeverri; e a oficial nacional do ONU-Habitat para o Brasil, Rayne Ferreti.