Notícias

AGÊNCIA ALAGOAS

Governo do Estado de Alagoas
Segunda, 23 Outubro 2017 16:29
TRADIÇÃO

Emoção e reencontros marcam início das comemorações dos 140 anos da Escola Estadual Bom Conselho

Semana festiva prossegue até sexta-feira (27) com diversas atrações

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
Galeria de ex-alunos do Colégio Estadual Bom Conselho Galeria de ex-alunos do Colégio Estadual Bom Conselho Foto: Ana Paula Lins
Texto de Ana Paula Lins

A emoção foi a marca do primeiro dia de comemorações dos 140 anos da Escola Estadual Bom Conselho, Bebedouro, na manhã desta segunda-feira (23). Na ocasião, gerações do presente e passado, alunos e professores, prestigiaram a inauguração da galeria dos ex-alunos ilustres da instituição, evento que marcou o início dos festejos, que prosseguem até a próxima sexta-feira, dia 27.

 Fotos: Ana Paula Lins

Na abertura do evento, que contou com a participação da banda do Corpo de Bombeiros de Alagoas, a diretora-geral da escola, Damiana Melo, destacou a importância do contato entre presente e passado nas comemorações do aniversário da escola. “Durante toda a semana, teremos diversas atividades que celebrarão a trajetória do Bom Conselho. Por meio desse encontro de gerações, os alunos do passado mostrarão aos alunos do presente como a educação recebida nesta mesma instituição foi importante na sua formação”, destacou.

 

Presente à solenidade, a titular da 13ª Gerência Regional de Educação (Gere), Cristiane Souza, elogiou a iniciativa e falou da importância da instituição no cenário educacional alagoano. “São décadas formando centenas de alagoanos, uma tradição que perdura até hoje. Esse contato entre gerações é muito salutar e permitirá também que os alunos e professores do passado conheçam os projetos e ações do Bom Conselho de hoje”, observou.

 

A inauguração da galeria de ex-alunos foi marcada pela emoção e pelo reencontro entre alunos e professores.Um dos que fez questão de prestigiar o evento foi Gilson Calheiro, professor de Educação Física e técnico de basquete da escola no período de 1977 a 2002. Sob seu comando, a equipe feminina de basquete foi dez vezes campeã dos Jogos Estudantis de Alagoas (Jeal), enquanto a masculina foi tetra. O treinador revelou diversos talentos que, posteriormente, integrariam a seleção alagoana de basquete.

 Fotos: Ana Paula Lins

“Estou muito emocionado por vivenciar este momento. Aqui comecei minha trajetória profissional e passei 25 anos de minha vida nesta escola. O Bom Conselho, para mim, é uma referência”, afirmou Gilson.

 

Igualmente emocionadas estavam as amigas Lídice Cavalcante e Jaunete Oliveira, formandas da turma de magistério de 1977, ano do centenário da instituição. O grupo de alunas, que completou 40 anos de formatura em setembro, reúne-se duas vezes por ano e fez questão de aparecer completo no quadro que agora enfeita a galeria da escola. “Tudo o que sou devo ao Bom Conselho, sou eternamente grata às Irmãs Sacramentinas”, frisou Jaunete. “Amo demais essa escola, aqui tive toda a minha formação pessoal e profissional. Não perderei nenhum dos eventos comemorativos”, prometeu Lídice.

 Fotos: Ana Paula Lins

As novas gerações também não deixaram de externar o seu amor pela escola. É o caso de Claudean Pedro Santos, aluno da 1ª série do ensino médio. “Estou aqui desde o sexto ano e, para mim, o Bom Conselho, é uma história que jamais se apagará de minha memória”, destacou o garoto, morador do bairro da Chã da Jaqueira.

 

Programação -  A programação comemorativa, que, prossegue até a próxima sexta-feira (27), contempla ainda os seguintes eventos: bate papo com ex-alunos às 10h, 15h e 20h no dia 24; desfile da banda fanfarra pelas ruas de Bebedouro a partir das 15h no dia 25 - e com a presença também das escolas estaduais Alberto Torres, Rosalvo Ribeiro e de colégios particulares do bairro; gincana cultural/show de talentos às 9h e 14h; recital de poemas às 19h no dia 26 e sarau cultural comandado pela ex-aluna Madalena Oliveira a partir das 10h do dia 27. Todas as atividades, com exceção do desfile, acontecem na sede da escola, na Avenida Major Cícero de Góes Monteiro, uma das principais vias de Bebedouro.

 

A história - Fundada em 1877 para ser um lar para as órfãs da Guerra do Paraguai, a Escola Estadual Bom Conselho é um patrimônio do bairro de Bebedouro, com a sua história se confundindo com a do próprio bairro.

 

Inicialmente chamada de Asilo das Órfãs Desvalidas Nossa Senhora do Bom Conselho, o espaço era administrado por senhoras da sociedade alagoana, passando posteriormente para a Ordem das Irmãs Sacramentinas em 1904. Em 1938, passa a se denominar Escola Normal Rural Nossa Senhora do Bom Conselho, enquanto, em 1964, inicia a oferta do curso pedagógico como Colégio Bom Conselho. Nos anos 90, é incorporada à rede estadual de ensino passando a se chamar Escola Estadual Bom Conselho.