Notícias

AGÊNCIA ALAGOAS

Governo do Estado de Alagoas
Sábado, 21 Outubro 2017 13:28
ONDE A ARTE FAZ MORADA

Turma de 22 alunos se apresentou no Recital de Canto promovido pelo Cenarte

Turma de 22 alunos se apresentou no Recital de Canto promovido pelo Cenarte

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
Pelas salas do Cenarte, aulas de dança e ballet, enquanto do outro lado, aulas de violão e piano Pelas salas do Cenarte, aulas de dança e ballet, enquanto do outro lado, aulas de violão e piano Divulgação

Casa da música e da dança. Dos que tocam e dos que soltam a voz. Dos que aprendem, mas também dos que ensinam. Onde a arte faz morada. O Centro de Belas Artes de Alagoas (Cenarte), desde sua fundação, em 1982, faz do seu espaço um lugar de aprendizado. Por lá, gerações diferentes buscam em notas musicais ou em ritmos um jeito mais leve de levar o dia a dia.

E por falar em notas, não é necessário chegar à sala de Técnica Vocal para ouvi-las. Os corredores do Cenarte, equipamento cultural da Secretaria de Estado da Cultura de Alagoas, respiram música. Pelas salas, aulas de dança e ballet, enquanto do outro lado, aulas de violão e piano. Ao apressar dos passos, vozes parecem ficar mais fortes. Acontece ali, no momento, aulas de canto. Ministradas por professores voluntários, turmas com cerca de 20 alunos aprendem sobre notas e voz.

 

No último dia 10 foi possível ver e ouvir como o trabalho foi passado direitinho. O encerramento da turma foi marcado por um Recital de Canto, onde os 22 alunos, junto à professora voluntária, Elisangela Leandro, mostraram a turma, amigos e convidados todo o aprendizado adquirido ao longo do curso.

 

“Faço parte da turma desde o mês de abril. Eu nunca havia cantado. Sempre fiz outras aulas aqui no Cenarte, como as de teatro e dança, e a professora Elisangela me viu e me convidou a participar da turma”, conta o aluno Lucas César.

 

Com 18 anos, Lucas já tem a convicção de como a arte pode transformar vidas. “Sei que o contato com a arte, que antes não tive, que o Cenarte me proporcionou, ajuda eu e tantos outros jovens que têm a oportunidade de frequentar o local, a levar a vida com mais leveza”.

 

Durante a apresentação era possível ver a satisfação no rosto da professora Elisangela Leandro. “É a minha primeira turma, encerramos com 22 alunos Estamos trabalhando desde fevereiro. É emocionante ver hoje o resultado, cantores que nunca haviam cantado colocando a voz e sentimento para fora”, conta.    

 

A também maestrina, frisa a importância de mais profissionais ligados à arte se voluntariarem a repassar seus conhecimentos. “O trabalho do Cenarte é essencial na vida dessas pessoas, é algo que não pode parar. Peço também para que outras pessoas que têm contato com arte se disponham a passar conhecimento para essa parcela de público que ainda não tem acesso a esse tipo de arte. É muito importante”.

 

O Cenarte

O Cenarte foi criado com o intuito de promover arte e cultura para todos, fazendo valer acesso ao conhecimento artístico-cultural do nosso Estado. Desde seu início, ofertou cursos diversos nas áreas de música, dança, teatro e artes plásticas. “Como diretora deste equipamento percebo a importância dos serviços que ele oferece para a comunidade. Dispomos de professores dedicados, que junto aos alunos fazem o Cenarte ser o que é. Sem dúvidas, aqui respiramos cultura”, diz a Diretora do equipamento Ziza Vilhena.

 

O Centro de Belas Artes de Alagoas fica localizado na Rua Pedro Monteiro, 108 – Centro e tem horário de funcionamento de segunda-feira à sexta-feira das 8h às 17h.