Notícias

AGÊNCIA ALAGOAS

Governo do Estado de Alagoas
Quarta, 23 Março 2016 17:39
MODERNIZAÇÃO

Mais de um milhão: 75% dos documentos da Arsal já estão digitalizados

Arquivos foram convertidos em PDF e disponibilizados na forma online.

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
Perspectiva é que a digitalização de todos os documentos seja concluída até o final de junho deste ano Perspectiva é que a digitalização de todos os documentos seja concluída até o final de junho deste ano Ascom/Arsal
Texto de Vanessa Alencar

Setenta e cinco por cento dos documentos da Agência Reguladora de Serviços Públicos do Estado de Alagoas (Arsal), entre processos licitatórios e administrativos, contratos, portarias, resoluções, decretos, cadastros de permissionários, balancetes financeiros, relatórios e leis, já estão digitalizados.

 

A porcentagem representa 1.052.393,00 (um milhão e cinquenta e dois mil, trezentos e noventa e três reais) de arquivos convertidos em PDF e disponibilizados na forma online.

 

Segundo Wendell Amorim, supervisor da empresa Greendoc, responsável pelo trabalho, a perspectiva é que a digitalização de todos os documentos - desde a criação da Arsal, em 2001, até 2015 - seja concluída até o final de junho deste ano.

 

“A conversão do material físico para digital irá auxiliar os trabalhos desenvolvidos por todos os setores e gerências do órgão, facilitando a consulta interna dos documentos”, explicou Wendell Amorim, acrescentando que a digitalização evitará ainda problemas como a perda de processos.

 

O presidente da Arsal, Marcus Vasconcelos, destacou que mais de um milhão e meio de documentos devem ser digitalizados no total e organizados no acervo documental da Agência Reguladora. O trabalho envolverá também a identificação e orientação de descarte de arquivos prescritos e disponibilização em software de gerenciamento eletrônico de documentos.

 

“A implantação, de forma pioneira, do Sistema de Digitalização de Documentos na Arsal é importante para modernizar a gestão e trazer mais eficiência à regulação dos serviços públicos, diminuindo a burocracia processual e facilitando a consulta e o acesso a documentos, além de gerar economia para o órgão. Consideramos esse trabalho um marco”, avaliou o presidente.

 

Estão sendo digitalizados documentos de acordo com a importância e necessidade definidas pela Arsal, praticamente de todos os setores e gerências: Transporte, Gás Natural, Energia Elétrica, Saneamento Básico, Jurídico, Tarifas, Multas, Administrativo e Financeiro e Presidência.