Notícias

AGÊNCIA ALAGOAS

Governo do Estado de Alagoas
Quarta, 13 Setembro 2017 08:57
ESPORTE

Alagoanos participam da etapa infantil dos Jogos Escolares da Juventude

Ao todo, 169 pessoas integram a delegação alagoana no evento, que tem início nesta terça-feira (12) em Curitiba

Compartilhe:

  • Facebook
  • Twitter
Delegação alagoana posa com a campeã da luta olímpica Aline Silva Delegação alagoana posa com a campeã da luta olímpica Aline Silva Fotos: Washington Alves e Ana Paula Lins
Texto de Ana Paula Lins

Cento e sessenta e nove pessoas - entre atletas, professores e oficiais - compõem a delegação que representa Alagoas na etapa infantil dos Jogos Escolares da Juventude (JEJ), que começam nesta quarta-feira (13), em Curitiba, estendendo-se até o dia 21 de setembro. Mais de quatro mil atletas de todo o país participam dos Jogos Escolares, a maior celeiro de jovens atletas olímpicos do Brasil.

 

Até o dia 15, acontece a disputa das modalidades individuais - judô, luta olímpica, natação, atletismo, ginástica rítmica, badminton, tênis de mesa, xadrez, ciclismo - enquanto de 17 a 21 começam as modalidades coletivas (voleibol, handebol, futsal e basquete).

 

A equipe alagoana conta com atletas experientes, a exemplo da judoca Hemily Lopes, do Colégio Objetivo. Com uma coleção de títulos no Jeal, a satubense Hemily foi prata no Brasileiro Sub-15 em Lauro de Freitas, na Bahia, no mês passado. "Estou bastante focada nesta competição e vou buscar minha superação", garante a garota.

 

Abertura

 

A abertura oficial dos JEJ ocorreu nesta terça-feira (12) no Círculo Militar do Paraná e contou com a presença de atletas renomados como Etiene Medeiros (natação), Fabiana Murer (atletismo), Tiago Camilo (judô) e  Emanoel Rego (vôlei de praia). Coube à estudante Estefany Santos, da Escola Estadual José da Silveira Camerino, empunhar  a bandeira de Alagoas na cerimônia de abertura.

"Fiquei surpresa e honrada por ter sido escolhida para levar a nossa bandeira. Os Jogos Escolares estão sendo uma experiência ótima em todos os sentidos", afirma a aluna do 8° ano do ensino fundamental.